Copa do Nordeste: Vitória goleia Ferroviário no Barradão e assume liderança do grupo B

Carlos Lima 1 de Fevereiro de 2018 0

Na noite desta Quinta-Feira (01º), Vitória x Ferroviário-CE mediram forças, pela segunda rodada da Copa do Nordeste 2018.

No primeiro tempo, o Vitória foi o dono do jogo. Não sofreu pressão  do Ferroviário e ditou o ritmo do embate durante os 45 minutos.

Não demorou muito para que o gol saísse no Barradão. Aos 7 minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro Kanu subiu sozinho e cabeceou com precisão, sem chances para Bruno Colaço. Vitória 1×0 Ferroviário.

Com vários fatores favoráveis, o Leão só não conseguiu traduzir em gols, as oportunidades que teve nos momentos que seguiram.

Na etapa complementar, o técnico Vagner Mancini deve ter feito a exata leitura que o adversário não ofereceria grande risco e resolveu lançar o atacante Rhayner para a vaga de do lateral Lucas.

(Imagem: Adilton Venegeroles – Ag. A Tarde)

E aos 4 minutos, o zagueiro artilheiro apareceu no lugar e na hora certa. Em novo escanteio, Kanu se posicionou bem, e cabeceou direto para marcar mais um gol. Vitória 2×0 Ferroviário.

Aos 11, Rhayner tentou deixar a sua marca, de bicicleta, mas o goleiro Bruno Colaço estava atento e praticou uma bela defesa.

Mancini resolveu substituir mais de seus atletas. Chamou André Lima para o posto deixado por Denilson no setor ofensivo, aos 17 minutos.

Somente aos 22 minutos, o visitante investiu de forma mais agressiva. A jogada foi desenvolvida e se aproximou da área defendida por Fernando Miguel. Na hora da conclusão, a bola resvalou na zaga do Leão e quase se dirigia contra o próprio patrimônio.

Três minutos depois, não houve jeito. O atacante Andrei passou por dois, e com tranquilidade chutou para descontar para os cearenses, sem chances para o camisa 1 do Rubro-Negro. Vitória 2×1 Ferrovário.

O Ferrão não pôde nem comemorar. Aos 27, a bola é cruzada na área e o atacante Rhayner pegou de primeira e marcou um golaço. Vitória 3×1 Ferroviário.

Aos 30, o atacante André Lima articulou uma boa jogada, chegou a marcar um gol, mas a arbitragem assinalou um impedimento. Situação parecida ocorreu no minuto seguinte, mas com o atacante Bacabal, que chutou, a bola carimbou o travessão e uma condição irregular foi anotada. Ele voltou a tentar e carimbar novamente a trave.

A última cartada do técnico Vagner Mancini foi substituir o lateral Juninho pelo atacante Flávio, aos 32 minutos.

Aos 34, Neilton recebeu uma jogada de André Lima e não desperdiçou, marcando um golaço. A goleada estava imposta. Vitória 4×1 Ferroviário. 

Com o resultado consolidado, o Rubro-negro administrou o placar até o fim do confronto. Final: Vitória 4×1 Ferroviário.

O Leão assumiu a liderança do grupo B, agora com 6 pontos e melhor saldo de gols que o ABC-RN – adversário da 3ª rodada. O compromisso seguinte ocorrerá no dia 10, no Frasqueirão, no Rio Grande do Norte.