Série A: Em confronto crucial, Vitória enfrenta a Ponte Preta em São Paulo

Carlos Lima 25 de novembro de 2017 0

Neste Domingo (26), o Vitória enfrentará a Ponte Preta, na cidade de Campinas (SP), em duelo válido pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro da Série A de 2017.

O confronto é crucial para as aspirações de ambas as agremiações. Com o triunfo do Sport contra o Fluminense no Rio de Janeiro, o Rubro-Negro baiano passou a integrar a zona de rebaixamento. O resultado positivo deixará o Leão novamente fora do z4, continuando a depender de suas próprias forças para se manter na elite do Futebol brasileiro.

O técnico Vagner Mancini terá o retorno do lateral Caíque Sá, que cumpriu suspensão no jogo anterior. O volante Willian Farias foi a principal novidade na lista de relacionados, após ter se recuperado de uma lesão no joelho.

Apesar da semana cheia e vários treinos realizados, Mancini não revelou qual será o time titular,  deixando em aberto que algumas modificações poderão ocorrer. 

(Imagem: Ponte Preta – Divulgação)

O Vitória pode ter a seguinte escalação: Fernando Miguel; Patrick, Wallace Reis, Kanu e Géferson; Uillian Correia; Yago, José Wellison, Fillipe Soutto e David; Santiago Tréllez.

Na Macaca, o técnico Eduardo Baptista sabe que um revés rebaixará seu clube para a Série B do próximo ano, e que o adversário também lutará arduamente pelos três pontos para manter vivas as chances de escapar da segunda divisão.

Baptista também não deu pistas do seu plantel, mas deverá promover o retorno do zagueiro Rodrigo. No meio-campo, Elton deve ser o substituto de Naldo (expulso), além de Jeferson, que deverá ser improvisado na lateral.

A Ponte Preta pode então começar com: Aranha; Nino Paraíba, Rodrigo, Luan Peres e Jeferson; Fernando Bob, Elton, Danilo Barcelos e Léo Artur; Lucca e Léo Gamalho.

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA-MG) será o árbitro central. Guilherme Dias Camilo (FIFA-MG) e Sidmar dos Santos Meurer (CBF-MG) serão os suplentes. O embate está marcado para às 16 horas (horário de Salvador), no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).