Série A: Na Arena Condá, Vitória sofre revés contra a Chapecoense e encosta no z4

Carlos Lima 16 de novembro de 2017 0

O Vitória foi disposto a fazer mais uma boa apresentação fora de casa, lutando pelo triunfo para manter-se distante da zona de rebaixamento. A Chape queria os três pontos para eliminar qualquer chance de rebaixamento.

A partida começou bem truncada, mas com o passar dos minutos, ambas as agremiações começaram a arriscar em gol, fazendo Jandrei e Fernando Miguel serem solicitados em algumas ocasiões.

Mesmo com a marcação adversária neutralizando as investidas do Leão, foi justamente a equipe de Vagner Mancini que abriu o placar na Arena Condá.

(Imagem: Google)

Aos 19 minutos, o lance iniciou com Jandrei que saiu de forma equivocada e a bola foi até o atacante David, que não desperdiçou. Chapecoense 0x1 Vitória.

Cinco minutos depois, após cobrança de escanteio efetuada por Reinaldo, Arthur Caíque cabeceia direto para o fundo da rede, deixando tudo igual. Chapecoense 1×1 Vitória. O período inicial não contou com mais jogadas de maior perigo e terminou empatado.

No segundo tempo, a chuva veio forte e a drenagem do estádio parecia não suportar o volume de água acumulado, dificultando as jogadas mais elaboradas.

Yago e José Welison tiveram chance de recolocar o Leão da Barra em vantagem, mas não conseguiram concluir com precisão.

Vagner Mancini mandou André Lima para o lugar de Caíque Sá – que recebeu o terceiro amarelo e não atuará contra o Cruzeiro.

O mandante chegou a marcar um tento aos 27 minutos, mas a arbitragem anotou um impedimento. Aos 32, não teve jeito. Reinaldo cobrou falta, Fernando Miguel defendeu, mas no rebote, Túlio de Melo chutou e marcou, dando números finais ao embate. Chapecoense 2×1 Vitória.

O resultado manteve o Vitória com 39 pontos, na 16ª colocação, mas agora sem vantagem da rodada anterior. A pontuação é a mesma da Ponte Preta, 17ª, mas supera o clube paulista pelo saldo de gols. No Domingo (19), o jogo será contra o Cruzeiro no Barradão.