Série A: Na luta para deixar a zona de rebaixamento, Vitória enfrenta o Vasco no Rio de Janeiro

Carlos Lima 4 de novembro de 2017 0

O Esporte Clube Vitória terá mais uma importante batalha pelo Campeonato Brasileiro da Série A de 2017, quando enfrentará o Vasco da Gama, no Rio de Janeiro.

O Rubro-Negro baiano luta pelo triunfo e tropeço de alguns adversários diretos para deixar a zona de rebaixamento, podendo alcançar até a 15ª colocação. Já o anfitrião busca mais três pontos para se aproximar mais do pelotão que almeja as vagas para a Libertadores e a Copa Sul-Americana.

O técnico Vagner Mancini comandou a última atividade voltada para o jogo, na manhã deste Sábado em Salvador. Ele aproveitou a semana cheia e fez alguns testes na equipe para definir os atletas que estariam tanto no sistema defensivo e de marcação.

Mancini acabou não podendo relacionar o lateral Caíque Sá e o atacante Kieza – ambos com problemas nos joelhos. Além disso, o volante Uillian Correia está fora por suspensão. Já o goleiro Fernando Miguel se recuperou  e retorna ao grupo.

(Imagem: Google)

O Leão deve iniciar com: Fernando Miguel; Patric, Kanu, Wallace Reis e Juninho; Ramon, José Welison e Yago; Neilton, David e Santiago Tréllez.

No Vasco, o técnico Zé Ricardo terá um novo encontro com o desafiante. Na ocasião em que comandava o Flamengo, Ricardo viu sua antiga equipe perder em seus domínios e seu cargo foi destituído.

Agora, ele espera que a situação seja diferente e contará com um retorno para compor o setor ofensivo – o atacante Luís Fabiano, que foi relacionado e declarou estar bem para jogar. Também retornam o meia Paulinho e o lateral Breno.

O time da Cruz de Malta deve formar com: Martín Silva; Madson, Breno, Anderson Martins e Henrique; Jean, Wellington, Paulinho (Ríos), Mateus Vital e Nenê; Luis Fabiano.

Arbitragem: Para mediar o jogo marcado para este Domingo (05), às 18 horas (horário de Salvador), no Maracanã, a Confederação Brasileira de Futebol sorteou o árbitro Heber Robero Lopes (CBF-SC). Ele será assistido por Helton Nunes (CBF-SC)  e Thiaggo Americano Labes (CBF-SC).